1. Ada
  2. Condições
  3. Síndrome pré-menstrual

Síndrome pré-menstrual

  1. Visão geral
  2. Riscos
  3. Sintomas
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento
  6. Prevenção
  7. Prognóstico
  8. Outros nomes

Visão geral

A síndrome pré-menstrual (TPM) é um termo que descreve uma variedade de mudanças físicas e emocionais que podem ocorrer em uma mulher nos dias anteriores ao início do período menstrual. Esta condição é muito comum e afeta a maioria das mulheres que menstruam, de uma forma ou outra. Estas alterações incluem a sensação de tristeza, aumento do apetite, seios doloridos, alterações de humor, irritabilidade e acne. A gravidade dos sintomas varia de uma pessoa para outra. Os sintomas tendem a se repetir, formando um padrão previsível antes do período. O tratamento envolve mudanças de estilo de vida e medicamentos que ajudam a administrar o ciclo menstrual. Embora a TPM não possa ser curada, os sintomas geralmente podem ser bem controlados.

Riscos

O ciclo menstrual normal é controlado pelo aumento e diminuição dos níveis dos hormônios estrogênio e progesterona. Esses hormônios são responsáveis ​​por desenvolver e liberar os óvulos e preparar o corpo para a gravidez quando o óvulo é fertilizado. Se não ocorrer a fecundação, ocorre o sangramento menstrual. Embora a causa exata da síndrome pré-menstrual não seja bem compreendida, é bem provável que a mudança nos níveis hormonais seja responsável ​​pelos sintomas da síndrome pré-menstrual. Esta condição é muito comum e afeta a maioria das mulheres que menstruam, de uma forma ou de outra.

Sintomas

Os sintomas típicos da síndrome pré menstrual são ambos físicos e emocionais. Estes variam muito de pessoa para pessoa, podendo variar de leves até mais graves, causando problemas no convívio do lar ou no trabalho. Os sintomas emocionais são as alterações de humor, irritabilidade, dificuldade em dormir, aumento do apetite e falta de concentração. Os sintomas físicos são o inchaço abdominal, sensibilidade nos seios, falta de energia, aumento de peso, náuseas, inchaço dos pés, e dores de cabeça.

Diagnóstico

O diagnóstico geralmente se baseia nos sintomas e sua relação com o período menstrual. Normalmente não são necessários exames para confirmar o diagnóstico. Um diário dos sintomas pode ser útil no diagnóstico.

Tratamento

O tratamento é o controle dos sintomas. Isso pode ser feito por de mudanças de estilo de vida ou com medicamentos. Fazer exercícios regularmente, ter uma boa rede de apoio e aprender técnicas de relaxamento podem ajudar a reduzir os sintomas. Alguns medicamentos são úteis, incluindo a pílula (contraceptivo oral) e medicamentos anti-depressivos em doses fracas. Em casos mais graves, a remoção cirúrgica dos ovários é uma opção. Como isso faz com que a mulher não possa ter mais filhos, é indicado para as mulheres que não desejam mais engravidar.

Prevenção

Manter um diário de sintomas pode ajudar a reconhecer os dias do ciclo ligados aos piores sintomas, e poder antecipá-los pode ajudar a melhor controla-los.

Prognóstico

A síndrome pré-menstrual não pode ser curada, mas geralmente seus sintomas podem ser bem administrados. Algumas pessoas acham que seus sintomas pioram com o tempo. Os sintomas desaparecem depois da menopausa.

Outros nomes

  • mudanças físicas e emocionais que ocorrem antes do período menstrual