1. Ada
  2. Condições
  3. Ferimentos térmicos

Ferimentos térmicos

  1. Visão geral
  2. Riscos
  3. Sintomas
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento
  6. Prevenção
  7. Prognóstico

Visão geral

A lesão térmica, também conhecida como queimadura, é uma das lesões domésticas mais comuns, principalmente causadas por líquidos quentes ou fogo. Podem ser leves ou emergências com risco de vida, dependendo da porcentagem de superfície do corpo queimada. O tratamento depende da gravidade da lesão e das possíveis complicações, varia de cuidados com feridas menores ao tratamento em uma unidade especial de queimaduras, incluindo medicamentos, curativos ou cirurgia. A recuperação após pequenas queimaduras superficiais geralmente é boa. Quanto mais profunda a queimadura, maior a probabilidade de ficar com cicatriz. As queimaduras que cobrem grandes áreas do corpo têm perspectivas piores.

Riscos

uma queimadura térmica é um dano à pele causado pelo calor. A gravidade das queimaduras é classificada por quão profunda é a queimadura e quanto do corpo é afetado. As causas comuns são o fogo, líquidos quentes (especialmente em crianças), radiação e luz ultravioleta (como a luz solar ou camas de bronzeamento). As lesões térmicas podem afetar qualquer pessoa, mas tendem a afetar as crianças e as pessoas mais velhas com mais frequência do que adolescentes e adultos. As lesões térmicas provavelmente ocorrem por acidente, mas também podem ser um sinal de abuso.

Sintomas

Os sintomas e a aparência de uma queimadura dependem do grau de queimadura (profundidade da pele afetada pela queimadura). Existem três graus diferentes. As queimaduras de primeiro grau ou superficiais causam pele vermelha, inchada e dolorida, e não causam bolha. As queimaduras de segundo grau causam a formação de bolhas e a pele sob a bolha pode estar ligeiramente entorpecida. As queimaduras de terceiro grau fazem com que a pele fique preta ou branca, e geralmente é indolor devido a danos nos nervos.

Diagnóstico

O diagnóstico é feito com base nos sintomas e examinando a pele queimada.

Tratamento

O tratamento depende do grau e da extensão das lesões. Em primeiro lugar, a pessoa deve ser removida da fonte do calor. Pequenas queimaduras de primeiro ou segundo grau podem ser resfriadas sob água corrente durante alguns minutos. As pessoas que sofrem queimaduras maiores e mais graves devem ser tratadas por serviços de emergência e unidades de queimados especializadas. O tratamento de emergência envolve dar fluidos, manter a pessoa aquecida e prevenir infecções. Uma vez que o perigo imediato tenha passado, a pessoa afetada pode receber enxertos de pele para ajudar a pele a crescer e reduzir as cicatrizes. Complicações, como infecções em feridas, são tratadas com antibióticos à medida que ocorrem.

Prevenção

A melhor prevenção para queimaduras é seguir as precauções de segurança ao manusear fogo, líquidos quentes ou produtos químicos. Isso inclui supervisionar as crianças enquanto cozinham, enquanto tomam banho e quando estão próximas de uma fonte de calor ou chama.

Prognóstico

O prognóstico para pequenas queimaduras superficiais é bom visto que raramente formam grandes cicatrizes ou infectam, e curam dentro de alguns dias ou semanas. Queimaduras extensas exigem tratamento intensivo e a pele geralmente forma cicatrizes.