1. Ada
  2. Condições
  3. Dengue

Dengue

  1. Visão geral
  2. Riscos
  3. Sintomas
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento
  6. Prevenção
  7. Prognóstico

Visão geral

Dengue é uma infecção viral comum nas regiões tropicais e subtropicais. Essa condição é transmitida por mosquitos, e pode afetar pessoas de todas as idades. Os sintomas mais comuns são febre alta, erupção cutânea vermelha, dor muscular e dor de cabeça. Algumas pessoas desenvolvem uma forma grave, que provoca maior tendência a sangrar. O tratamento na maioria dos casos é descanso, medicamentos para febre e fluidos, embora algumas pessoas possam desenvolver complicações que exigem tratamento intensivo. Se não houver complicações, a maioria das pessoas melhora em uma semana.

Riscos

A dengue é uma febre causada por um vírus disseminado por mosquitos. Sem ser por esse meio, a dengue não é contagiosa. As pessoas que estiveram recentemente num país tropical ou subtropical correm maior risco de ter esta infecção. O risco é maior nas épocas chuvosas. Crianças e pessoas com um sistema imune fraco ou que já tiveram dengue mais de uma vez correm maior risco de desenvolver a forma grave dessa condição, a dengue hemorrágica.

Sintomas

Pessoas com dengue geralmente começam a ter sintomas de 5 a 10 dias após adquirir a infecção. Os sintomas mais comuns são febre alta repentina, um rash cutâneo, dores musculares, e dor de cabeça atrás dos olhos. Algumas pessoas desenvolvem uma erupção cutânea com pontos vermelhas, e dor abdominal. Em algumas pessoas a dengue pode causar problemas na coagulação sanguínea. Essa é a condição chamada dengue hemorrágica (com sangramento). Os sintomas desta condição mais grave incluem pele que fica com hematomas facilmente, sangramento repentino de outros órgãos e pequenas manchas na pele que não ficam brancas quando pressionadas.

Diagnóstico

O diagnóstico da dengue é suspeitado na presença de sintomas típicos em alguém que esteve recentemente num país onde há o vírus da dengue. O diagnóstico pode ser confirmado com um exame de sangue positivo para os anticorpos (proteínas que combatem a infecção) contra o vírus no sangue. Muitas vezes também são necessários exames de sangue para verificar a capacidade de coagulação sanguínea e outras funções orgânicas.

Tratamento

Não existem tratamentos específicos para a dengue. A febre em geral é tratada com paracetamol. Aspirina e ibuprofeno podem aumentar o risco de sangramento e devem ser evitados. Pode ser necessário ministrar fluidos (soro) ou fazer uma transfusão de sangue por gotejamento (intravenoso) se houver sinais de desidratação ou de hemorragia interna.

Prevenção

Dormir debaixo de um mosquiteiro e usar repelente contra mosquitos durante uma viagem para países com risco de dengue são medidas que podem prevenir a dengue. Não há vacina contra esta condição.

Prognóstico

A maioria das pessoas que têm febre de dengue se recupera bem, e os sintomas geralmente melhoram em uma semana. As pessoas que desenvolvem a forma grave ficam sujeitas a complicações com risco de vida, como grandes sangramentos e problemas de circulação.