1. Ada
  2. Condições
  3. Dor lombar musculoesquelética

Dor lombar musculoesquelética

  1. Visão geral
  2. Riscos
  3. Sintomas
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento
  6. Prevenção
  7. Prognóstico

Visão geral

Dor lombar músculo-esquelética é uma condição comum que afeta os músculos e os ossos da parte inferior das costas. Cerca de 40% da população terá esta condição em algum momento de sua vida. Ela pode aparecer de repente ou gradualmente ao longo de muitas semanas ou meses. As causas mais comuns de dor lombar são acidentes, fraturas, cirurgia, trabalho pesado, esportes intensivos e condições médicas (como a artrite e artrose). Os sintomas típicos são dor nas costas, rigidez nas costas, e espasmos musculares nas costas. O tratamento depende da causa da dor.

Riscos

Os músculos das costas são usados constantemente e, por isso, tendem frequentemente a ficar lesionados. As causas mais comuns de lesão muscular nas costas são levantar cargas pesadas e movimentos bruscos anormais. Na maioria dos casos, a dor não significa uma condição grave, e é devida ao estiramento de ligamentos ou músculos. Uma dor persistente e contínua pode ser devida a uma hérnia de disco ou problemas nas articulações da coluna vertebral. Cerca de 40% da população terá dor no fundo das costas em algum momento de sua vida. Obesidade, o estresse, tarefas que envolvem se abaixar frequentemente e trabalho pesado, são fatores que aumentam o risco de desenvolvimento de dor lombar.

Sintomas

O sintoma mais comum é a dor no fundo das costas e, às vezes, nas nádegas. A dor pode ser aguda, constante, com sensação de formigamento ou de queimação. A característica da dor pode variar de pessoa para pessoa, pode irradiar para o quadril e pernas. Certos movimentos podem piorar a dor ou aliviar. Os músculos das costas podem ficar rígidos ou duros.

Diagnóstico

O diagnóstico geralmente se baseia nos sintomas e num exame clínico, que inclui observar o movimento das costas e pernas. Geralmente não são necessárias radiografias da região lombar, a menos que a dor se torne constante ou hajam sintomas que poderiam ser causados ​​por condições mais graves.

Tratamento

O tratamento da dor lombar envolve o alívio da dor e movimentos suaves das costas. Simples analgésicos, como paracetamol e ibuprofeno frequentemente ajudam a reduzir a dor nas costas. Pessoas com dor nas costas devem continuar suas atividades diárias e exercícios leves, como caminhar, o mais cedo possível. Descansar as costas por um longo período pode piorar os sintomas e fazer a pessoa suscetível a dores nas costas recorrentes.

Prevenção

Técnicas corretas de levantamento de objetos pesados, exercício físico regular, alongamento antes do esporte e manter um peso saudável podem ajudar a prevenir episódios de dor lombar.

Prognóstico

A dor músculo esquelética nas costas geralmente começa a melhorar em uma semana, mas pode levar semanas ou meses até desaparecer completamente.