1. Ada
  2. Condições
  3. Rinite não-alérgica

Rinite não-alérgica

  1. Visão geral
  2. Riscos
  3. Sintomas
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento
  6. Prevenção
  7. Prognóstico
  8. Outros nomes

Visão geral

Rinite não-alérgica é o termo médico para a inflamação da mucosa do nariz, que não é causada por alergia. A inflamação do interior do nariz provoca inchaço, entupimento e a produção de mais fluido do que o habitual. Há várias causas possíveis, mas a mais comum é uma infecção viral. Além do nariz entupido e com muco, os sintomas podem ser também dor facial e espirros. Em algumas pessoas, os sintomas duram apenas alguns dias, enquanto em outras eles podem persistir por semanas ou meses. O tratamento depende da causa, mas os sintomas de muitas pessoas são aliviados respirando ar quente e úmido, usando sprays descongestionantes e tomando medicamentos anti-inflamatórios. Na maioria dos casos, os sintomas melhoram sem tratamento específico. Se há uma causa conhecida, esta deve ser tratada ou evitada. A maioria das pessoas não terá mais problemas como resultado da rinite não-alérgica.

Riscos

Rinite não-alérgica é o termo médico para a inflamação no interior do nariz e que não é causada por alergia. A inflamação faz a mucosa do nariz inchar e criar mais fluido (muco) do que o habitual. Há várias causas possíveis para esta condição, incluindo infecções virais, poeira, alguns medicamentos, alguns distúrbios hormonais e as mudanças do tempo.

Sintomas

O principal sintoma da rinite não-alérgica é um nariz persistentemente entupido ou com corrimento. Esta condição pode ser de curto prazo (dias) ou de longo prazo (ao longo de semanas a meses), dependendo da causa. A rinite não-alérgica também pode causar dor na face, espirros, o nariz dolorido ou formar uma crosta em torno das narinas. O nariz entupido pode levar a uma sensação reduzida de olfato e paladar.

Diagnóstico

O diagnóstico geralmente se baseia nos sintomas e no exame físico. Um teste de alergia pode descartar o diagnóstico de rinite alérgica.

Tratamento

Na maioria dos casos, o tratamento da rinite não-alérgica envolve a gestão dos sintomas. Isto pode ser feito usando medicamentos descongestionantes, anti-inflamatórios, tais como ibuprofeno, e ou pela inalação de ar quente e húmido. No entanto, se a rinite se tornar persistente, deve-se encontrar e tratar a causa subjacente .

Prevenção

A prevenção da rinite não-alérgica consiste em identificar e evitar coisas que fazem a rinite piorar. Praticar uma boa higiene, lavar as mãos regularmente e cobrir a boca e o nariz ao tossir e espirrar, pode ajudar na prevenção da propagação de infecções virais e da rinite não-alérgica. Se for descoberto que a causa é um medicamento, pode-se interrromper o seu uso ou substituí-lo por um medicamento que não tenha esse efeito colateral.

Prognóstico

A rinite não-alérgica melhora frequentemente sem qualquer tratamento específico. Se a causa pode ser identificada e tratada ou evitada, a perspectiva é boa, mesmo para as pessoas que têm sofrido de sintomas há muito tempo. Por vezes ocorrem complicações em pessoas que têm rinite crônica, e estas complicações podem ser pólipos nasais, sinusite e infecções do ouvido médio.

Outros nomes

  • inflamação não alérgica do canal nasal