1. Ada
  2. Condições
  3. Pneumotórax

Pneumotórax

  1. Visão geral
  2. Riscos
  3. Sintomas
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento
  6. Prevenção
  7. Prognóstico

Visão geral

Pneumotórax é uma condição em que há ar no peito (tórax), que está fora dos pulmões. Este ar pressiona o pulmão e o impede de se expandir plenamente. Os sinais desta doença são uma repentina dor no peito e muitas vezes dificuldades em respirar. Às vezes um pneumotórax pode ocorrer sem nenhuma causa particular, mas é mais comum após um ferimento no peito. Os sintomas frequentemente são falta de ar e dor no peito. Um pequeno pneumotórax pode não precisar de qualquer tratamento especial, mas um pneumotórax maior pode precisar que se retire o ar para melhorar a respiração. Embora esta condição possa ser perigosa, a maioria das pessoas se recupera bem com o tratamento.

Riscos

Pneumotórax é o termo médico para a existência de ar no interior do peito (tórax), que está fora dos pulmões. Este ar ocupa espaço dentro do peito e pressiona o lado de fora do pulmão. Isso evita que o pulmão possa se expandir plenamente. O pneumotórax pode ocorrer após uma lesão no peito, devido a uma doença pulmonar subjacente, ou pode acontecer sem uma causa específica. Um pneumotórax após uma lesão pode ocorrer em pessoas de qualquer idade. O pneumotórax devido a uma condição pulmonar subjacente é mais comum em adultos mais velhos, especialmente pessoas com enfisema ou asma. Pneumotórax sem qualquer causa específica é mais comum em homens jovens altos e magros, e esta condição pode ser hereditária. Os fumantes também podem ser mais propensos a desenvolver esta condição.

Sintomas

Os sintomas mais comuns de um pneumotórax são uma dor aguda, de um lado só do peito e falta de ar. A dor pode ser pior ao respirar. Pessoas com um pequeno pneumotórax podem só ter sintomas leves. Pessoas com um grande pneumotórax tendem a ter sintomas mais graves e necessitam tratamento de emergência. Os sintomas incluem falta de ar grave, dedos e lábios azulados, ansiedade, confusão e, eventualmente, desmaio.

Diagnóstico

O diagnóstico pode ser feito com base nos sintomas e exame clínico, embora frequentemente seja necessário uma radiografia de tórax para confirmar o diagnóstico.

Tratamento

O tratamento de pneumotórax depende do tamanho do acúmulo de ar no peito e da gravidade dos sintomas. Um pequeno pneumotórax pode não necessitar de qualquer tratamento especial. Pessoas com sintomas sérios precisam de tratamento de emergência. Isso pode envolver tratamentos de emergência para dar oxigênio extra e um procedimento de emergência para remover o ar do peito. Isso geralmente acontece ao longo de um período de dias.

Prevenção

Pessoas com condições pulmonares devem conversar e pedir aconselhamento médico antes de voar, pois as viagens aéreas podem deixá-las mais propensas a desenvolver um pneumotórax.

Prognóstico

Um pequeno pneumotórax pode ficar resolvido sozinho, sem intervenção em algumas semanas. Um pneumotórax grande pode ser uma condição com risco de vida, especialmente em uma pessoa com uma condição médica subjacente. Com o tratamento, a maioria das pessoas se recupera bem.