1. Ada
  2. Editorial
  3. Medicina & saúde
  4. Dê uma mexida na sua rotina

Dê uma mexida na sua rotina

Até cerca de 12.000 anos atrás, os humanos passavam a maior parte do tempo caçando, pescando e procurando comida.ref1 Em outras palavras, eles estavam sempre em pé. Avancemos até ao momento presente e, biologicamente falando, não mudamos muito. Mas, ao contrário de nossos ancestrais caçadores-coletores, muitos de nós passamos muito tempo no sofá ou sentados à mesa.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, até 85% das pessoas em todo o mundo vivem vidas sedentárias.ref2 A doença da posição sentada, que seu médico pode chamar de sedentarismo, pode afetar seriamente sua saúde.

O corpo dos humanos foi feito para se movimentar. A inatividade física está entre as 10 principais causas de morte e invalidez em todo o mundo. Pode até aumentar o risco de várias doenças, incluindo doenças cardiovasculares, diabetes e câncer.

Mas temos boas notícias. Níveis saudáveis ​​de atividade são alcançáveis ​​para a maioria de nós. Praticar 150 minutos de atividade física moderada por semana, ou cerca de 30 minutos por dia, deve ser o suficiente.ref3 E você não precisa obrigatoriamente de fazer esporte na academia. Pequenas mudanças no seu dia-a-dia podem aproximá-lo desse objetivo.

Vamos dar uma olhada em 6 maneiras simples de começar a se mover mais em casa, no trabalho e no trânsito.

Mova-se mais em casa

Abrace suas tarefas

Quase ninguém gosta das tarefas de casa. Mas quando feitas de seguida, atividades tais como esfregar o chão, lavar a roupa e jogar o lixo fora podem resultar em um treino completo. Marque na sua agenda um tempo para realizar as tarefas de casa enquanto ouve um podcast ou as suas músicas favoritas para ajudar a tornar essas atividades mais interessantes. Pense assim, você queimará calorias ao mesmo tempo que cuida de si e da sua casa.

Optimize sua rotina

Escovar o cabelo, tomar banho, pegar um copo de água. As atividades do dia a dia podem ser tão rotineiras que acabamos fazendo-as em piloto automático. Então, por que não usar melhor esse tempo com alguns exercícios simples de fortalecimento? Experimente fazer uns agachamentos enquanto escova os dentes ou flexões de mesa antes de se sentar para uma refeição. Existem muitos exercícios que você pode tentar, encontre aqueles que funcionam para você.

Mova-se mais no trabalho

Definir lembretes de movimento

Se você trabalha a maior parte do tempo sentado, pode acontecer que você passe longos períodos de tempo sem fazer nenhum movimento. Faça um lembrete no seu telefone ou cole uma nota na tela, lembrando-o de se levantar e caminhar a cada 20 minutos. Fazer pausas no trabalho para esticar as pernas também pode ajudar a melhorar a produtividade.

Faça uma pausa adequada para o almoço

Fazer uma pausa na hora do almoço é vital para evitar que você se esgote. Mas não use essa pausa para continuar sentado em frente ao celular enquanto come uma sanduíche. Aproveite a oportunidade para esticar as pernas e sair para tomar um pouco de ar fresco. Dê alguns passos enquanto descobre a área ao redor do seu local de trabalho.

Mais movimento em movimento

Use as escadas

Você sabia que subir escadas queima mais calorias por minuto do que correr? Optar pelas escadas em vez de elevadores ajudará a fortalecer seus músculos, ossos e articulações. E é garantido que seu coração trabalha também.

Ande mais rápido

Aumentar o ritmo pode transformar a caminhada em um treino sério. Você vai queimar mais calorias, fortalecer os músculos das pernas e fazer seu sistema cardiovascular funcionar. Além disso, você chegará mais rápido. Excelente não acha? Comece em um ritmo moderado para fazer seu coração, pulmões e músculos trabalharem e, em seguida, aumente a velocidade quando estiver aquecido.

Existem inúmeras maneiras de se mover mais durante o dia, então por que não se aventurar? Qualquer tempo que você passa de pé é um movimento na direção certa. Você se sentirá muito melhor com isso.


  1. National Geographic. “Hunter-Gatherer Culture”.

  2. WHO. “Physical inactivity a leading cause of disease and disability, warns WHO”. Acessado 4 Abril 2002

  3. CDC. “How much physical activity do adults need?”.